Big Data na construção civil: o que é e quais são os seus usos?

Big Data na construção civil: o que é e quais são seus usos?

Descubra como a tecnologia do Big Data na construção civil é aplicada e como promove a otimização para as construtoras. 

Big Data é uma ferramenta da Tecnologia da Informação (TI) que tem ganhado muito espaço na última década. 

É possível encontrar casos de uso dela em praticamente todas as áreas do conhecimento na atualidade.

Essa expansão e o investimento em Big Data ocorre por ser uma tecnologia focada em coleta, filtro e organização de dados. 

Ao usar essa tecnologia na construção civil, a empresa consegue desenvolver melhores pesquisas de mercado e de processos para desenvolvimento, execução e oferta de produtos e serviços.

Os dados obtidos e utilizados ajudam a otimizar a etapa das atividades.

E, consequentemente, a conquistar melhores resultados, lucratividade e crescimento por meio de um processo de tomada de decisões mais assertivas.

Dados existem em qualquer negócio, por isso, é necessário perguntar: por que usar big data na construção civil? 

Essa é a pergunta que respondemos neste texto. Acompanhe.

Big Data na construção civil: como pode ser utilizado?

Ainda que seja um recurso da TI, o Big Data, pelo amplo banco de dados oferecido, pode ser aplicado em diferentes departamentos das construtoras e outras empresas da construção civil.

Entre os principais exemplos dessa aplicação podemos citar:

Departamento de compras

O departamento de compras pode ser muito beneficiado por essa tecnologia, uma vez que o banco de dados oferecido pelo Big Data garante um melhor dimensionamento da quantidade de material que as obras precisam de uma maneira mais rápida.

Isso significa que o prazo para conseguir essa lista de quantidade de insumos é muito anterior à data de início de execução.

Garantindo tempo suficiente para que o departamento de compras realize pesquisas de custos e negocie prazos e formas de pagamento com fornecedores.

Planejamento e gestão de obra

Ter todos os dados centralizados e filtrados em uma única ferramenta é essencial para garantir um planejamento detalhado e uma gestão de obras eficiente. 

Facilitando o acompanhamento da execução de projetos.

Ainda que essa função possa ser conseguida com bons softwares de gestão de obras, o Big Data na indústria da construção garante informações concretas e detalhadas o suficiente para otimizar ainda mais o uso desses softwares.

Leia também:

Gestão de obras online: ultrapassando as barreiras físicas para uma gestão eficaz! – Obra Prima

Composição de orçamentos

Se os dados oferecidos pela tecnologia são tão completos e concretos, não é surpresa quando percebemos que os orçamentos realizados com seu uso possuem composições mais realistas em relação ao que se encontra no mercado.

O histórico que é oferecido passa a ter não só os dados da obra, mas uma relação de cada decisão tomada e de cada negociação com fornecedores.

Garantindo bases ainda mais concretas para a tomada de decisões para futuros projetos.

Além das decisões de como gastar o dinheiro de obras anteriores, os orçamentos também são otimizados pelo melhor controle dos materiais necessários, mencionado no primeiro item.

4 vantagens que a tecnologia traz para construtora

Por criar melhores condições para algumas etapas do processo de planejamento e execução de obras inteligentes, o Big Data traz diversas vantagens e benefícios para as construtoras, como:

1. Otimização dos projetos

Com dados mais concretos sobre as etapas da obra, seus custos, quantidades de insumos, necessidade de mão de obra e para análises de riscos, organizar o projeto fica muito mais fácil.

A análise dos dados obtidos com big data permite fazer previsões, identificar oportunidades e alinhar objetivos e especificidades de cada projeto. 

Isso gera uma otimização em todo o planejamento, execução e entrega das obras.

Garantindo decisões mais assertivas e que beneficiam não só o projeto, mas também a administração da construtora e o cliente.

2. Conquista de maior sustentabilidade

A sustentabilidade na construção civil oferece muitas vantagens para as construtoras, sendo um diferencial de mercado, uma oportunidade de reduzir custos e conquistar auxílios, entre outros benefícios.

O Big Data na indústria da construção cria caminhos muito eficientes para o desenvolvimento de processos mais ecológicos para o setor.

Auxiliando na otimização do uso de materiais, melhor logística da alocação de mão de obra e maquinário e análises concretas de pontos de desperdício e ineficiência.

Com isso, a construtora escapa do desperdício de recursos, água, energia elétrica, atrasos e reduz custos, melhorando sua lucratividade, competitividade e crescimento. 

Leia também: 

​​Sustentabilidade na construção civil: tijolo ecológico – Obra Prima

3. Eficiência de marketing e conquista de novos contratos

Os dados oferecidos pela tecnologia criam grande eficiência para a definição de perfil de público-alvo e coleta de dados sobre preferências de clientes nas campanhas de marketing e interação em redes sociais e outras plataformas digitais.

Desse modo, além de campanhas de publicidade que oferecem melhores resultados, a construtora consegue criar um banco de dados para oferta de novos serviços ou serviços complementares a clientes com os quais já trabalhou ou deseja trabalhar.

Outro ponto positivo do investimento em big data na construção civil. 

4. Redução de custos

Com orçamentos e cronogramas mais assertivos, redução de desperdício e evitando atrasos e benefícios já mencionados.

A construtora se torna capaz de reduzir retrabalhos, atividades e etapas redundantes e consumo de materiais, o que resulta em uma diminuição de custo generalizada para todos os projetos.

O futuro é o Big Data na construção civil

O banco de dados conquistados com a tecnologia Big Data deve ser considerado como um dos mais importantes diferenciais para construtoras que desejam alcançar maior crescimento.

Mais do que oferecer diferentes benefícios, essa tecnologia na construção civil se destaca por interagir com tantas outras que são tendências do setor.

É um sistema de dados que alimenta software de gestão de obras inteligentes, Machine Learning e Programas de Modelagem 3D com suas informações.

O volume alto de dados e informações oferecidos podem ser aplicados em todas as áreas do projeto e administração da construtora, otimizando resultados com dados muito mais concretos e retorno muito maior para empresa, obra e clientes.

Quer conhecer outras tecnologias, obras inteligentes e tendências da construção civil? Acompanhe as constantes atualizações do setor aqui, no blog Obra Prima.

Software de gestão de obras