Construção civil pós-pandemia

Construção civil pós-pandemia: as principais mudanças que o coronavírus vai trazer para o setor

Entenda as mudanças que o coronavírus criou para o período pós-pandemia e como a construção civil pode conquistar os melhores resultados.

A realidade pós-pandemia é muito esperada pela construção civil, mas gera muitas preocupações para as construtoras. Claro, os impactos negativos foram sofridos em todos os setores.

O aumento dos custos de insumos, a necessidade de distanciamento social e a exigência no corte de gastos gerou desemprego e fez com que todas as empresas tivessem que reinventar seus processos.

Afinal, como convencer seu cliente e oferecer um atendimento atencioso e personalizado tendo que fazer tudo por meio da internet? 

Em um mundo em que o contato presencial era o grande diferencial, muitas construtoras perderam o rumo.

Unir isso ao fato de que a construção civil acabava de sair de uma grande crise e começava a mostrar sinais de recuperação. A boa notícia é que, durante a pandemia, ainda que muitos pensassem que seria o contrário, o setor de construção civil não sofreu tantos impactos negativos.

Com a covid-19, o crescimento exponencial esperado da construção foi freado, mas não deixou de acontecer. Construtoras se reinventaram, tecnologias evoluíram e novas possibilidades surgiram.

Agora, com a recente aprovação das vacinas para o coronavírus, é hora de começar a planejar a recuperação real dos negócios nos próximos anos. Que tal começar conhecendo as mudanças que o pós-pandemia traz para o setor?

melhorias na construção civil pós-pandemia

Mudanças e melhorias: como a construção se otimiza para o pós-pandemia?

É muito bom sonhar com o fim da pandemia e o momento em que voltaremos a trabalhar normalmente, nos abraçar e voltar aos processos comerciais de antes. No entanto, o que acontece com todos os processos e mudanças vividas no último ano no pós-pandemia?

Ainda que todos tenham a mania de focar no que perdemos nos últimos meses, muitas mudanças vieram para trazer pontos positivos que podem e devem ser mantidos para que as construtoras vivam ainda mais crescimento no futuro.

Vamos nos focar um pouco nessas mudanças positivas?

1. Digitalização da construção civil 

A migração dos processos do papel para os computadores e celulares é um dos maiores marcos da pandemia na construção civil. 

Ainda que já aconteça em algumas construtoras, a digitalização passou a ser determinante para todas as empresas nesse período.

Essa é uma das mudanças que deve ser mantida no pós-pandemia. Investir em tecnologias que auxiliam e melhoram o controle financeiro e a gestão de obras no meio virtual é essencial para manter o crescimento.

Isso acontece porque o uso do meio digital permite uma comunicação mais direta e rápida, a verificação eficiente de custos e informações e maior controle de processos. Só é preciso buscar o software certo para a gestão da construtora e suas obras.

2. Presença digital destacada

Se a comunicação e gestão de obras foi para o meio digital, já não é possível mais ignorar a presença da própria construtora nesse ambiente. 

Afinal, como ignorar o meio digital e focar nos clientes fora da internet se é ali que todos eles estão e que o alcance é muito maior?

Se você já gosta dos resultados que um outdoor te dá, imagine o que um site bem feito não pode fazer.

É o momento de investir no marketing digital e aceitar que o uso de redes sociais na construção civil é uma necessidade. Elas podem fazer muito pela construtora se você possuir uma equipe focada e compartilhar toda sua expertise.

Faça o download GRATUITO do nosso e-book com dicas práticas para fazer a sua construtora crescer através do digital! >

3. Foco na agilidade 

Não é segredo que agilizar os processos de construção foi uma necessidade na pandemia. 

Se era necessário organizar cuidadosamente a presença de trabalhadores no canteiro de obras e depender do celular para definir planejamento com clientes, perder tempo com falhas bobas não era mais uma opção.

Pense então nos benefícios que tecnologias como os softwares de gestão de obras trouxe para os orçamentos, por exemplo. 

O uso dessa plataforma que integre comunicação com cliente, fornecedores, pesquisas de custo e redução de erros nos cálculos tornou os orçamentos de obras muito mais eficientes, assertivos e rápidos de serem feitos.

Agilidade nunca será uma desvantagem para construtoras se for acompanhada de qualidade.

4. Responsabilidade social e sustentabilidade com destaque especial

A pandemia trouxe muito desemprego e aumento nos preços de produtos. 

A população sofre grandes impactos e por isso responsabilidade social e sustentabilidade se tornam temas com cada vez mais destaque.

Gerar empregos, reduzir custos e oferecer condições para que os trabalhadores desenvolvam suas habilidades pessoais e profissionais. Esse investimento no meio ambiente e nos trabalhadores gera melhores resultados para a construtora, para os clientes e para os trabalhadores.

Quando falamos em responsabilidade social, a construtora deve pensar:

  • Segurança do usuário do projeto finalizado
  • Qualidade para que custos futuros com manutenção seja menor e problemas na estrutura sejam cada vez menos recorrentes
  • Economia de recursos por meio de materiais reciclados e economia de água, entre outros.

5. Processos de construção mais rápidos e seguros 

A necessidade de reduzir erros e desperdícios para reduzir custos fez os investimentos e as atenções crescerem em relação a necessidade de ter mais rapidez e segurança no canteiro de obras.

Análises de riscos mais eficientes, geralmente utilizando sistemas de gestão de obras, permitem proteger o trabalhador e garantir o cumprimento de todas as medidas de SST.

Leia mais sobre Saúde e Segurança do Trabalho na Construção Civil >

No pós-pandemia essa mudança se mantém, afinal, economizar tempo e proteger trabalhadores nunca será menos importante.

6. Nova forma de ver corporativos e residenciais

Se os trabalhos estão se tornando remotos na construção civil e em outros setores, ignorar a tendência de ter mais projetos na área residencial e imobiliária é perder oportunidades.

Ambientes mais agradáveis e que atendam as necessidades do home office serão essenciais no pós-pandemia.

construtoras preparadas para 2021

Construtoras preparadas, crescimento garantido

Se o objetivo da construtora é alcançar cada vez mais crescimento, ignorar as mudanças que começaram com a pandemia é um grande risco.

O investimento em tecnologias se torna, dia a dia, mais essencial para atender as expectativas do mercado e oferecer os melhores resultados.

No contexto pós-pandemia, softwares de gestão de obra são um dos principais diferenciais não só pelos benefícios oferecidos, mas por abrir muitas portas para atender às novas necessidades de clientes e do mercado.

Conheça mais sobre o software de gestão de obras Obra Prima e coloque sua construtora como destaque na construção civil pós-pandemia.