com planejamento para o controle financeiro de obra você gasta menos com o projeto e economiza dinheiro na construção civil

7 dicas para economizar nas obras da sua construtora!

Sabemos que fazer a gestão financeira de construtoras não é uma tarefa fácil, ainda mais se forem considerados todos os custos que precisam ser controlados. Para manter o controle financeiro de obras em dia é preciso reavaliar processos para garantir maior economia e rentabilidade.

Você gostaria de saber como gastar menos com obras da construtora sem perder produtividade, qualidade e segurança? Então, chegou ao conteúdo certo para resolver esse desafio, ter lucro e consolidar o nome da sua empresa no mercado.

Vamos te mostrar dicas de como melhorar o controle financeiro de obras e gerar economias consideráveis para o seu negócio. 

1. Não tenha pressa ao elaborar o planejamento de obras

Já ouviu aquela expressão popular que diz que a pressa é inimiga da perfeição? Também vale para o processo construtivo e, principalmente, seu planejamento. Afinal, o projeto é o primeiro passo de qualquer tipo de construção e precisa ter qualidade para poder se tornar rentável.

Para gastar menos com obras é preciso ter em mente que só se pode gastar o que for projetar. Então, antes de colocar a mão na massa, a construtora precisa se concentrar no levantamento de todas as informações necessárias para o desenvolvimento e construção da obra.

É o momento de verificar se a construtora tem dinheiro para cobrir todos os custos operacionais e avaliar se o projeto trará lucros ou prejuízos. Com esse estudo fica mais fácil planejar os gastos envolvidos em todas as etapas e ainda detectar possíveis ajustes que se façam precisos. 

O planejamento eficiente é aquele que evita perda de materiais, mão de obra e recursos financeiros. Tenha isso em mente para otimizar ainda mais o controle financeiro de obras.

2. Evite atrasos

Pode parecer contraditório sugerir trabalhar sem pressa no planejamento de obras e, em seguida, evitar atrasos, mas tempo é dinheiro. 

Então, tente fazer a menor quantidade de alterações possíveis no planejamento para evitar atrasos depois que a obra já começou. Esse tipo de problema pode custar caro e, inclusive, arranhar a reputação da empresa diante do cliente e do mercado da construção civil. 

3. Não deixe a obra ficar parada

Obra parada é sinônimo de prejuízo financeiro e, geralmente, é resultado de erros de planejamento. Acontece, principalmente, quando falta material para a continuidade dos trabalhos. A origem do problema pode ser: um orçamento defasado, a necessidade de alterações no projeto, falhas no processo de compras ou com os fornecedores.

Para evitar que a quantidade de material solicitada não caiba no orçamento e, assim, melhorar o controle financeiro de obras, a dica é: cuide melhor do estoque

4. Realize treinamentos para evitar desperdícios de materiais e retrabalhos

Ao capacitar os profissionais para os serviços a serem realizados, os riscos de refações são reduzidos, assim como desperdícios e acidentes. 

Lembre-se: mão de obra qualificada quer dizer produtividade, qualidade e, principalmente, lucratividade.

5. Faça o controle do fluxo de caixa diariamente

O cuidado com o gerenciamento do fluxo de caixa da construtora é outra forma de economizar dinheiro na construção civil.

Então, é importante criar hábitos como fazer o controle de receitas e despesas, além da gestão de contas e registros das entradas e saídas do caixa. Assim, a construtora pode entender melhor onde está gastando dinheiro e onde pode poupar, o que traz melhorias para o controle financeiro de obras.

4. Mantenha um histórico de projetos executados 

Sabia que analisar as obras realizadas no passado também é uma atitude que contribui para o controle financeiro de novas obras? 

É que quando você mantém esse histórico fica mais fácil verificar possibilidades de aumento de ganhos e cortes com gastos desnecessários.

5. Antes de escolher um fornecedor, faça comparações de preços para gastar menos com obras

Como os preços cobrados por fornecedores podem variar muito, outra dica para otimizar o controle financeiro da construção civil é fazer mais de uma cotação

Ao estudar todos os preços e também as condições oferecidas, como descontos nos orçamentos, é possível verificar melhor quais são as empresas mais indicadas para formar parcerias. Só não se esqueça que precisa encontrar produtos de qualidade com um custo vantajoso.

6. Utilize materiais e máquinas com consciência

Suprimentos e insumos geralmente representam boa parte dos custos da construção civil. Então, para conseguir uma real economia de materiais é essencial tomar alguns cuidados em relação a eles.

Uma dica é se certificar de que toda a equipe do canteiro de obras sabe como lidar com materiais e equipamentos. Com isso, você vai evitar prejuízos financeiros decorrentes do uso indevido de alguns desses itens.

Outra recomendação para evitar o desperdício é reutilizar ferramentas e materiais para minimizar impactos ambientais e reduzir custos. É fazer sua parte pelo meio ambiente, aumentar seus ganhos e causar boa impressão no cliente e também no mercado.

7. Explore o melhor da tecnologia na construção civil para uma melhor gestão financeira de construtoras

Para melhorar o controle financeiro de obras é preciso melhorar também o controle da própria equipe de gestão financeira. Isso pode ser feito com o uso de soluções que ajudam a facilitar a rotina desses profissionais como, por exemplo, a adoção de novas tecnologias.

Ao estar aberto para trabalhar com esses recursos é possível centralizar informações de obras, acompanhar os trabalhos em tempo real, fazer a gestão de fluxo de caixa e receber, até mesmo alertar sobre pagamentos e recebimentos.

Alguns softwares de gestão de obras facilitam até o processo de cotação com fornecedores, que pode ser feito online e de onde estiver, em poucos cliques.

O papel da gestão financeira da construtora

Em grande parte, é papel da gestão financeira da construtora apresentar dados e fatos sobre possíveis economias que podem ser feitas em obras.

Ter esse tipo de atitude certamente faz a diferença para toda a empresa e ajuda a valorizar ainda mais o trabalho exercido pelo profissional de finanças.
A sua construtora está preparada para uma mudança de mindset para gerar economias e melhorar o controle financeiro de obras? Se surgir qualquer dúvida no caminho, não hesite em nos escrever! Estamos sempre às ordens para ajudar pequenas e médias empresas a melhorarem seus processos financeiros!