pós-venda para a construção civil

Guia básico de pós-venda para a construção civil: como e por quê fidelizar clientes?

Trabalhar o pós-venda é essencial para a fidelização de clientes e pode abrir muitas portas para novas obras para a construtora.

Conquistar novos clientes é uma das principais dores das construtoras nos dias de hoje. 

Com a crescente competitividade de mercado, diferenciar-se entre as concorrentes pode parecer um grande desafio e, muitas vezes, campanhas em redes sociais, outdoors e cartões de visita não são suficientes.

A saída para construtoras que desejam novos projetos sempre é buscar diferenciais que gerem indicações e fidelização do cliente. 

Ter um cliente que volta com frequência para reformas, reparos e novos projetos é uma grande facilidade.

Não se engane, não é porque o cliente escolheu sua empresa para o primeiro projeto que ele não vai atrás da concorrente para o segundo. 

Tudo depende de como é a relação que a construtora cria com ele e como ela faz para ser lembrada depois de entregar o projeto.

Além disso, muitas construtoras sofrem com a insatisfação dos clientes durante a execução da obra. Nem sempre eles ficam satisfeitos apenas com prazos cumpridos e qualidade na entrega. Obras são um processo e ele existe também para o cliente que está esperando por notícias e que tudo acabe logo.

Pois é, o pós-venda faz toda a diferença na hora de conquistar novos contratos de obras, mas ao contrário do que muitos pensam, o pós-venda para a construção civil não começa com a entrega do projeto contratado. 

A venda é a assinatura do contrato, cada etapa da execução já é um pós-venda, mas o relacionamento começa antes mesmo do contrato.

Descubra com o Obra Prima como fazer um pós-venda para a construção civil capaz de fidelizar clientes e gerar novos contratos.

fidelizar clientes na construção civil

Como fidelizar clientes: o pós-venda que começa antes mesmo da primeira obra

Sim, o pós-venda para a construção civil é a fase de acompanhamento do cliente e do projeto entregue, mas existe muito trabalho para construir um pós-venda que possa resultar na fidelização do cliente e ele começa logo no primeiro contato.

Não é segredo que a maior vantagem de uma construtora no momento de fechar novos contatos e conquistar novos clientes é a indicação de clientes fidelizados. 

O que poucas construtoras se lembram é que não importa quantas vantagens você ofereça ao cliente depois da obra entregue se o primeiro contato e a execução da obra não tiveram diferenciais.

Ainda que o esforço maior seja o de entregar obras de qualidade e no prazo contratado, sem atrasos e orçamento estourado, os clientes veem esses detalhes como obrigação. 

Se ele assinou um contrato com um valor estipulado e um prazo a ser cumprido, não há diferencial em cumprir com o que está escrito.

Por esse motivo, buscar formas de destacar a construtora já nas primeiras conversas, antes de assinar com o cliente, e continuar demonstrando atenção durante a execução é essencial.

Acompanhe as etapas iniciais e como fidelizar clientes enquanto trabalha na obra.

Fidelização no primeiro contato: não espere fechar o contrato para se diferenciar

A primeira impressão tem grande peso na decisão de um cliente, seja na hora de fechar contrato, seja na hora de indicar para outras pessoas. 

Causar uma boa impressão, então, é essencial.

  • Como anda o atendimento da construtora? 
  • Quais os diferenciais que ela oferece logo no primeiro contrato? 
  • Como é a comunicação com potenciais clientes ou com clientes que retornam na hora de discutir um contrato?

Oferecer de forma clara os serviços, lançar atenção para atitudes sustentáveis durante a execução da obra e sugestões para otimizar, por exemplo o consumo de energia do projeto quando finalizado podem ajudar a construtora a se destacar muito.

Claro, nada disso faz diferença se sua construtora não tem uma boa comunicação com o cliente. 

Estar disponível para tirar dúvidas, aberto para sugestões e críticas, para explicar porque as sugestões não são viáveis ou o que deve ser modificado para que o cliente consiga o que deseja do projeto (lembre-se, clientes não são engenheiros, nem sempre o que é óbvio para você é perceptível para ele).

Que tal oferecer um sistema integrado onde ele possa acompanhar o desenvolvimento da obra dia a dia, visualizando facilmente a evolução da obra e sendo capaz de entrar em contato com a construtora sem complicações? 

Um software com canal aberto para o cliente pode ajudar muito a fechar o contrato e é garantia de clientes que se sentem especiais, são esses os clientes que mais indicam serviços para conhecidos.

Durante a execução o cliente deve ser lembrado

O contrato está assinado, mas isso não significa que a construtora pode jogar o cliente para escanteio. 

Quem contrata uma construtora para a obra fica sempre preocupado com os prazos e o orçamento, além disso, quer saber como está ficando aquele projeto que o cliente sonhou com tanto carinho.

Sim, seu trabalho de fidelização contínua e acompanha toda a execução da obra. 

Aqui, mais do que nunca, a comunicação com o cliente é essencial.

Não deixe que ele fique em casa te mandando mensagens e implorando por notícias, se antecipe, mostre atenção e ganhará a confiança e respeito… quem sabe até algumas indicações.

Para alguém que não está acostumado com o dia a dia de uma construção, acompanhar um cronograma de obras de forma fácil e rápida pode fazer os olhos brilharem.

Uma construtora preparada possui áreas de acesso para clientes onde ele possa ver as atualizações no cronograma, acompanhar os gastos dos recursos, descobrir que problemas aconteceram ao mesmo tempo que vê quais foram as soluções. 

Com um bom software de gestão de obras, a construtora pode, inclusive, deixar disponíveis fotos para que o cliente visualize a evolução do projeto e o acesso à documentos importantes, caso ele necessite de algum.

Vai ser repetitivo, mas é bom enfatizar: comunicação otimizada sempre. Se com todas essas informações em mãos o cliente ainda te procurar por mensagem é porque alguma coisa não está clara. 

Responda o mais rápido e atenciosamente possível.

pós venda na construção civil

Pós-venda para a construção civil: o acabamento da fidelização

A obra foi finalizada e a construtora cuidou do cliente com todo cuidado e atenção, oferecendo informações do andamento do processo, garantindo um projeto com qualidade e sustentabilidade, entregando tudo dentro do prazo e do orçamento estipulado, sem sustos e imprevistos.

Muito bem, a construtora já caminhou metade do caminho para a fidelização.

É nesse momento que você se pergunta: como assim, ainda não acabou? 

Não, caros amigos, a fidelização de verdade está só começando. 

Até aqui o que a construtora fez foi desenvolver um relacionamento com o cliente, despertando nele confiança e respeito pelo trabalho realizado.

Agora que o cliente sabe que a construtora cumpre com os detalhes do contrato, oferece informações com transparência, um atendimento atencioso e personalizado, é hora do pós-venda.

O ponto central do pós-venda é garantir que o cliente perceba que sua opinião sobre a obra é importante, que a empresa está ali para verificar se durante o uso do imóvel não surja nenhum problema e, mais importante, não deixar que o cliente se esqueça da relação que foi criada.

Para um bom pós-venda é essencial ter atenção a alguns elementos:

Descubra se o cliente está satisfeito

Fazer o acompanhamento depois da entrega da obra é essencial. Pesquisas de satisfação permitem que a construtora entenda onde, do ponto de vista do cliente, erros foram cometidos.

Não falamos aqui de erros de execução na obra, embora algumas vezes esse feedback possa aparecer. 

É hora de focar em descobrir se o cliente teve acesso a todas as informações que precisava durante o processo, se gostou do atendimento, se ficou satisfeito com o resultado da obra, se possui sugestões para melhorar a relação entre clientes e construtora.

Mais do que ser uma base de dados para melhorar os resultados da construtora, esse acompanhamento destaca ainda mais a importância que a construtora dá ao cliente. 

Reforçar a importância que ele possui aumenta a confiança do cliente na empresa e pode resultar em novos contratos com ele ou por meio de indicações.

Esteja pronto para solucionar problemas

Pode ser que surjam problemas na obra após a entrega. 

Não importa quão bem planejado seja o projeto, alguns imprevistos podem acontecer e é essencial que a construtora esteja preparada para eles.

Solucionar o problema sem custos, quando for algo relacionado com o projeto e dentro das garantias do contrato, é essencial. 

No entanto, o diferencial não está em solucionar, mas em como essa solução chega ao cliente.

Mais do que dizer que vai realizar o trabalho de reparo, ofereça dados completos e informações concretas ao seu cliente:

  • Informe o prazo para que os trabalho comecem;
  • Defina uma data de conclusão dos reparos;
  • Mantenha o cliente informado sobre o que está sendo feito;
  • Realize uma pesquisa de satisfação sobre o reparo.

Para coisas pontuais, solucionadas em poucas horas, essa relação pode ser realizada com uma data e hora agendadas para que o serviço seja realizado. Claro, uma vez que a data é passada para o cliente ela deve ser cumprida ou a confiança trabalhada durante toda a obra vai por água abaixo.

Ofereça serviços complementares

Sua construtora pode oferecer uma grande diversidade de serviços para depois da conclusão da obra. Mantenha um catálogo de clientes e se antecipe aos problemas e datas de manutenção.

  • Já pensou em oferecer serviços de pintura após alguns anos da entrega da obra? 
  • Se antecipou em enviar um alerta sobre a manutenção dos elevadores e sistema elétrico? 
  • Lembrou seu cliente que ele deve verificar a necessidade de trocar extintores de incêndio?

Em alguns casos nem é necessário oferecer um serviço realizado pela construtora, só a preocupação com a segurança do empreendimento e dos usuários já faz toda a diferença.

Os extintores são um bom exemplo. A construtora não vende ou substitui extintores, mas pode mandar um e-mail marketing lembrando o cliente de todas as medidas anti incêndio que a construtora implantou na obra junto com o lembrete sobre a validade dos extintores.

Destaque o que a construtora pode oferecer e o seu cliente não se esquecerá quando precisar novamente de uma construtora.

gestão de obras

Gestão de obras como diferencial do pré e pós-venda para a construção civil

Ainda que o maior destaque seja sempre para o pós-venda, a construção civil é um setor em que ele não começa com a entrega do projeto para o cliente. 

Um bom pós-venda para a construção civil começa no pré-venda, na relação que se cria com o cliente e nos diferenciais que se oferece para conquistar a confiança do cliente.

Nessas horas, ter um sistema de gestão de obras eficiente e que inclua o cliente nas decisões e permita que ele acompanhe a evolução da obra faz toda a diferença. Lembre-se que praticidade e facilidade de acesso à informação, para o cliente, significa menos dor de cabeça e maior transparência.

Buscar uma plataforma que garanta o fácil acesso a documentos e fotos, onde seja possível acompanhar evolução do cronograma e orçamento e em que se possa ter fácil acesso ao atendimento da construtora é um grande diferencial.

Apenas uma construtora que oferece diferenciais e facilidade em todas as etapas de uma obra, do momento de definir o projeto e fechar contrato  até a hora em que o projeto já foi finalizado e o cliente se preocupa com como será se problemas surgirem é essencial.

Construtoras que atendem bem ao cliente, oferecem cumprimento de prazos e qualidade, com transparência e praticidade, são lembradas. Quando um cliente lembra de você novos contratos estão mais ao alcance e indicações se tornam um instinto natural.

Que tal descobrir ainda mais sobre o pós-venda na construção civil? Aqui no Obra Prima você acompanha conteúdos exclusivos sobre esse e outros temas.