Procedimento Operacional Padrão (POP)

POP: entenda o que é o Procedimento Operacional Padrão (POP) na construção civil

Saiba como melhorar a produtividade e qualidade das atividades da sua construtora com o Procedimento Operacional Padrão (POP).

O POP é um documento que tem ganhado cada vez mais visibilidade entre construtoras que querem seguir otimizando seus processos e crescendo no mercado da construção civil.

O Procedimento Operacional Padrão oferece aos trabalhadores da construtora e do canteiro de obras um guia eficiente de como melhorar os resultados das atividades, otimizar a produtividade e reduzir erros.

Quer entender melhor como organizar esse documento e quais os benefícios que ele oferece ao alinhar as atividades das equipes? Acompanhe aqui todos os detalhes.

Procedimento Operacional Padrão: o que é o POP?

Se na construção civil toda obra é controlada com um planejamento detalhado e o acompanhamento dia a dia de sua evolução por meio dos cronogramas, como não considerar a necessidade de realizar os mesmos controles de forma mais minuciosa das atividades dos trabalhadores.

De forma geral, é isso que o Procedimento Operacional Padrão, ou POP, faz: oferece um documento que serve de guia para a execução de tarefas rotineiras no canteiro de obras. 

Assim como o planejamento e o cronograma são para o projeto, o POP é um roteiro para os trabalhadores, mostrando os equipamentos, materiais e procedimentos a serem aplicados na hora de realizar uma tarefa.

Por esse detalhamento é importante destacar que o POP não é um documento único do projeto, na verdade, cada atividade realizada no canteiro de obras tem seu próprio Procedimento Operacional Padrão.

Para que esse documento seja eficiente e possa guiar os trabalhadores e garantir resultados de qualidade, é essencial que a construtora coloque seu desenvolvimento nas mãos de um profissional especializado, acompanhado pelo responsável pela atividade descrita.

Assim, a construção civil ganha mais um sistema de padronização de procedimentos focado em aumentar a qualidade e reduzir riscos, erros e problemas para o projeto. 

Conheça os benefícios do POP na construção civil

Padronizar procedimentos na construção civil, principal objetivo desse documento, traz diversos benefícios para as construtoras. 

É uma das maneiras mais eficientes, como já comentamos, de eliminar erros, redundâncias e desperdícios ao longo da execução da obra.

Essa simples padronização da execução de atividades traz, então, os seguintes benefícios:

Qualidade mantida mesmo em projetos diferentes

Se um detalhamento de como executar uma tarefa já garante que aquela obra tenha mais qualidade pela eliminação de erros, imagine o que não pode fazer pelo portfólio da construtora.

Pense nas atividades de pintura de uma obra, por exemplo. Adotando o POP para elas, seu cliente nunca vai encontrar duas obras com qualidades diferentes de acabamento da pintura. 

O que ele vê em uma obra, vai ver nos outros projetos da construtora.

Esse alinhamento na qualidade de serviços é o que aumenta a confiança que os cliente tem no seu negócio. 

Ele vai ter a certeza de que o resultado conquistado não foi resultado de um orçamento mais alto ou de cronogramas mais longos, mas da capacidade da sua equipe em realizar trabalhos com qualidade.

Contratação de novos funcionários com mais segurança

Um grande medo das construtoras quando necessita terceirizar um serviço ou contratar novos trabalhadores sempre é a manutenção da qualidade dos trabalhos. Pois é, esse é mais um dos benefícios que o POP traz: eliminar erros e riscos desnecessários.

Claro, verificar a qualificação dos empregados e sua experiência sempre será importante. 

No entanto, com um protocolo detalhado e bem estruturado, os novos empregados vão poder seguir os protocolos adotados pela construtora sem dificuldade e cometer menos erros.

Maior produtividade no canteiro de obras

Ao reduzir erros e retrabalhos e garantir um protocolo eficiente para que as atividades sejam desempenhadas, o POP aumenta a produtividade dos trabalhos. 

Os trabalhadores já não perderão tempo discutindo as melhores formas de executar os trabalhos ou sofrendo com imprevistos, uma vez que tudo isso é considerado no protocolo desenvolvido.

Todo o passo a passo da atividade está descrito com base na melhor forma de realizar o serviço e alcançar os melhores resultados e eliminando erros e tempo ocioso.

Como elaborar o Procedimento Operacional Padrão de sua obra?

Existem 4 passos essenciais no desenvolvimento de um bom Procedimento Operacional Padrão. São eles:

1. Saiba qual a tarefa e local de execução a serem descritos

O primeiro passo para o desenvolvimento de protocolos eficientes é definir exatamente o que deve ser detalhado. 

Se cada atividade precisa de seu próprio POP, selecione uma por vez para desenvolver o documento.

O local também é essencial. 

A tarefa descrita é uma tarefa de escritório, de desenvolvimento de projetos, de alicerce, de execução de telhados, parte do projeto elétrico? Lembre-se, cada etapa e departamento tem seu próprio grupo de trabalhadores, necessidades e exigências, e é preciso conhecê-los.

Lembre-se de colocar a atividade e local no nome do arquivo, garantindo que os documentos estejam organizados e possam ser encontrados com facilidade quando necessário.

2. Pesquise os dados e referências

Algumas atividades específicas devem obedecer as Normas Regulamentadoras, cumprir legislações, estar dentro do exigido por uma licitação e muitos outros detalhes. 

Por isso, pesquisar bem as informações e buscar referências é essencial para a qualidade do POP e de seus resultados.

Saiba mais sobre as Normas Regulamentadoras aqui >

Busque em outras obras da construtora as informações sobre possíveis erros, riscos e imprevistos para essa atividade. 

Consiga um modelo de documento eficiente e que atenda a todas as necessidades de detalhamento da atividade. Consulte especialistas e profissionais qualificados para conseguir o máximo de detalhes.

Apenas assim sua construtora conseguirá os resultados esperados.

3. Crie o passo a passo dos procedimentos

Esse documento é um roteiro a ser seguido pelos trabalhadores, certo? 

Então nada mais justo que não só apontar o procedimento para a realização daquela atividade, mas também oferecer um passo a passo de como esse procedimento deve ser executado.

Não tenha medo de criar um documento que pareça uma versão para “idiotas”. Muitas vezes, por hábito ou rotina, detalhes importantes acabam sendo esquecidos.

4. Faça atualizações e revisões periódicas no POP

Legislações e normas mudam, novos equipamentos e tecnologias surgem e, com isso, a forma de realizar uma atividade de modo mais eficiente e com melhores resultados também é alterada.

Seu Procedimento Operacional Padrão, em algum momento, pode se tornar ineficiente e, por isso, é essencial fazer revisões deste documento. 

Aqui, o acompanhamento de obras também ganha destaque, já que observando atentamente a rotina na hora da execução é possível identificar onde o roteiro dado aos trabalhadores começa a não funcionar mais.

POP, o novo aliado da gestão de obras de sucesso

Todo elemento inserido na construção civil para eliminar erros e aumentar a produtividade contribui com a gestão de obras. 

Mesmo que as atividades descritas sejam de escritório, em maior ou menor medida, sempre terão impacto em orçamentos, compras, fluxo de caixa e cumprimento de prazos.

Adotar o Procedimento Operacional Padrão (POP), então, é buscar otimizar ainda mais os processos de sua construtora e, associado a um bom software de gestão de obras, que ofereça dados concretos e de qualidade sobre os detalhes do projeto, se torna um grande diferencial de mercado.

Siga acompanhando os conteúdos do blog Obra Prima para entender cada vez mais sobre como melhorar a gestão de obras de sua construtora.

software de gestão de obra